Amanhã é o dia da Xiaomi Brasil: mas e a nossa expectativa?

Não tem jeito, é amanhã. Quem foi convidado já recebeu seus convites, e nas redes sociais a empresa vai confirmando o que nós já esperamos, por exemplo, dois telefones (Redmi 2 e Redmi Note 4G):

Mas a grande verdade é que ninguém mais está ligando para qual telefone vem, quais acessórios virão etc. A expectativa é, toda, em preço. Vide a confusão criada pelo Submarino.

Todos (a internet andróide brazuca) criamos uma expectativa muito grande em cima da vinda da Xiaomi. Que, mesmo com Hugo Barra no comando, a empresa chinesa derrubaria os preços dos smartphones no Brasil. E o episódio do Submarino só serviu pra aumentar ainda mais a expectativa.

Só espero que essa expectativa, quase histérica, não deixe um gosto de guarda-chuva na boca de todo mundo se os preços da Xiaomi Brasil não forem o que o inconsciente coletivo da internet andróide brazuca espera.

Anúncios